VOLTEX DS

DESCRIÇÃO
VOLTEX DS ® é um composto de impermeabilização extremamente eficaz de geotêxteis de alta resistência, de 4,8 kg/m2 de bentonita sódica por metro quadrado, e um revestimento de polietileno integralmente unido. A bentonita sódica de alta dilatação e baixa permeabilidade é encapsulada entre os dois geotêxteis. Um processo de agulhagem exclusivo entrelaça os geotêxteis formando um composto extremamente resistente que mantém uma cobertura uniforme da bentonita, além de protegê-la contra danos relacionados a clima rigoroso e construção. Após o reaterro, o VOLTEX DS ® é hidratado e forma uma membrana de impermeabilização monolítica. O VOLTEX DS ® não contém VOC, pode ser instalado em concreto verde praticamente em qualquer condição climática e, o mais importante, provou ser eficaz em projetos de impermeabilização novos e de restauração em todo o mundo. O VOLTEX DS ® funciona formando uma membrana de baixa permeabilidade no contato com a água. Quando molhada, a bentonita não confinada pode se dilatar até 15 vezes o seu volume seco. Quando ela é confinada sob pressão, a dilatação é controlada, formando uma membrana impermeabilizante densa impenetrável. A ação de dilatação do VOLTEX DS ® pode vedar pequenas rachaduras no concreto causadas pela acomodação do solo, retração do concreto ou ação sísmica. O VOLTEX DS ® forma uma união mecânica forte com o concreto quando as fibras geotêxteis são encapsuladas na superfície do concreto moldado in-loco.

APLICAÇÕES
O VOLTEX DS ® foi desenvolvido para superfícies de fundação estrutural subterrâneas. As aplicações de concreto moldado in-loco típicas incluem paredes de concreto com reaterro, telhados cobertos por terra, lajes estruturais, túneis e construção de delimitação de propriedades. As aplicações de construção de delimitação de propriedades incluem contenção com perfis metálicos e pranchões, estacas-prancha metálicas, estacas-prancha secantes/contíguas, concreto projetado e paredes de contenção com terra estabilizada. As aplicações podem incluir estruturas sob pressão hidrostática contínua ou intermitente. Em locais onde há condições de lençol freático contaminado, use o VOLTEX DSCR ® com bentonita sódica resistente a contaminantes. O VOLTEX DSCR ® resiste a níveis mais altos dos seguintes contaminantes: nitratos, fosfatos, cloretos, sulfatos, cal e solventes orgânicos. Verifique a adequação do produto enviando uma amostra da água do local para a CETCO realizar testes de compatibilidade de água antes da instalação.

INSTALAÇÃO
Geral: As instruções de instalação aqui descritas são destinadas a aplicações de concreto moldado in-loco. Para concreto projetado, concreto pré-moldado e outras aplicações não abordadas neste documento, consulte o material específico do VOLTEX DS ® ou entre em contato com a CETCO para obter as diretrizes de aplicação pertinentes. Instale o VOLTEX DS ® estritamente de acordo com as instruções do fabricante, usando os produtos acessórios conforme necessário. Além disso, use o VOLTEX DSCR ® da forma específica para condições de contaminação. Instale o VOLTEX DS ® com o geotêxtil cinza-escuro (tecido) voltado para o concreto a ser impermeabilizado. Instale o WATERSTOP-RX ® em todas as juntas de construção de concreto horizontais e verticais aplicáveis. Programe a instalação do material de impermeabilização de modo a possibilitar a colocação imediata de concreto ou reaterro compactado. ARMAZENAMENTO: Mantenha o VOLTEX DS ® e todos os produtos acessórios secos antes da colocação do concreto ou do reaterro. Trabalho de preparação: Sob a laje: O substrato deve estar liso e compactado a uma densidade mínima de 85% Proctor modificado. Paredes de concreto: O concreto não deve apresentar vãos ou projeções. As irregularidades na superfície devem ser removidas antes da instalação. Aplique o BENTOSEAL sobre os orifícios de parafuso de ancoragem preenchidos e a buracos no concreto e vãos na superfície. Os orifícios de parafuso de ancoragem que se estenderem pela parede devem ser completamente preenchidos com rejunte cimentício sem retração e um pedaço de WATERSTOP-RX ® centrado na parede. Paredes de escoramento para delimitação de propriedades: Instale o VOLTEX DS ® somente quando a preparação correta do substrato estiver concluída e pronta para receber a impermeabilização.

SOB LAJES COM PISO DE CONCRETO
VOLTEX DS ® é recomendado para uso sob lajes de concreto reforçado estrutural de 100 mm de espessura ou mais em um substrato de terra/cascalho compactado. Uma laje reforçada de, no mínimo, 150 mm de espessura, se instalado sobre concreto magro. Quando houver condições hidrostáticas, instale o VOLTEX DS ® sob sapatas e vigas. Coloque o VOLTEX DS ® sobre o substrato preparado adequadamente, com o geotêxtil cinza-escuro (tecido) voltado para cima. Sobreponha todas as bordas adjacentes com, pelo menos, 100 mm e escalone as pontas das folhas 300 mm, no mínimo. Grampeie ou pregue as bordas para impedir qualquer deslocamento antes e durante a colocação do concreto. Corte o VOLTEX DS ® para se ajustar bem em torno das penetrações e blocos de fundação. Instale o VOLCLAY GRANULES ® sob a borda cortada do VOLTEX DS ® no detalhamento e, em seguida, aplique um filete de, no mínimo, 19 mm de espessura de BENTOSEAL ® , para cobrir a borda cortada do VOLTEX DS ® em penetrações, blocos de fundação, vigas e outros detalhamentos. Estenda o BENTOSEAL ® sobre o VOLTEX DS ® e detalhe com, pelo menos, 50 mm. Para condições hidrostáticas, o VOLTEX DS ® deve ser instalado sob vigas e sapatas. Estenda o VOLTEX DS ® sobre a sapata pelo menos 150 mm, quando for necessário uni-lo à impermeabilização da parede vertical. Quando paredes de contenção de delimitação de propriedade, como estacas-prancha secantes/contíguas, estacas-prancha metálicas, perfis metálicos e pranchões, forem usadas como a fôrma de concreto externa, instale uma faixa de transição de VOLTEX DS ® na base da parede, de acordo com as instruções em “Transição de parede de escoramento” na seção “Construção de delimitação de propriedade” deste documento. Continue a instalação do VOLTEX DS ® sob a laje na parede de contenção, sobrepondo a faixa de transição pelo menos 300 mm.

CONSTRUÇÃO COM REATERRO MOLDADO IN-LOCO
Antes de instalar a primeira faixa de VOLTEX DS ® , instale um filete de BENTOSEAL ® (mín. 38 x 38 mm) no canto de transição da parede/sapata. Com uma espátula, aplique o BENTOSEAL ® para formar uma linha contínua.

Instalação pré-aplicada
Aplique VOLTEX DS ® na fôrma de madeira, na horizontal ou na vertical, pregando ou grampeando de acordo com as diretrizes gerais de aplicação para dobrar todas as bordas adjacentes 100 mm e escalonar as pontas dos rolos pelo menos 300 mm (evitando dobras de quatro voltas) e garantindo que as dobras fiquem voltadas para baixo, conforme aplicável. O revestimento de polietileno deve ser instalado contra a fôrma e o geotêxtil tecido (cinza) deve ficar voltado para o concreto a ser impermeabilizado. Estenda o VOLTEX DS ® em toda a profundidade da fôrma de modo que o VOLTEX DS ® dobre 100 mm sobre o VOLTEX DS ® já moldado na borda da laje e ancoragem de parede, e deixe, pelo menos, 150 mm na parte superior da fôrma para garantir a continuidade da impermeabilização mais tarde, se necessário. Posicione a fôrma conforme necessário e junte/espace as fôrmas, penetrando o VOLTEX DS ® conforme necessário. A prática comum de aplicação de concreto é suficiente em termos de batidas para a fôrma, mas tenha cuidado para garantir que o VOLTEX DS ® continue preso ao concreto verde. Onde houver “pé” na laje e o VOLTEX DS ® sob a laje tiver terminado na borda superior da laje, será necessário aplicar mais VOLTEX DS ® para ligar o VOLTEX DS ® sob a laje/borda ao VOLTEX DS ® pré-aplicado na parede. Instale um filete de BENTOSEAL ® (mín. 38 x 38 mm) na parede interna/canto da laje e coloque VOLTEX DS ® adicional sobre o “pé” da laje dobrando 100 mm sobre o canto do VOLTEX DS ® na laje e continue sobre o pé terminando sob a aba de VOLTEX DS ® na prede solta, na parte traseira da ancoragem.

Instalação pós-aplicada
Começando no canto inferior da parede, instale o VOLTEX DS ® horizontalmente com 1,5 m em uma parede e o restante em torno do canto, na superfície da outra parede. Corte a borda inferior do VOLTEX DS ® no canto, no mínimo 150 mm, para que o VOLTEX DS ® possa ficar estendido sobre a sapata. Prenda o VOLTEX DS ® na posição correta com prendedores com cabeça de arruela no máximo a 600 mm, no centro. Em seguida, corte e instale uma parte do VOLTEX DS ® sobre a área descoberta do canto da sapata. Aplique BENTOSEAL ® na parte do VOLTEX DS ® na sobreposição do VOLTEX DS ® , no canto. Instale rolos de VOLTEX DS ® adjacentes da faixa inferior em orientação horizontal. Cada rolo deve sobrepor o rolo precedente, pelo menos, 100 mm e deve se estender sobre a sapata 150 mm, no mínimo. Nos cantos da parede interna, aplique um filete contínuo de 19 mm de BENTOSEAL ® diretamente no canto, antes de instalar o VOLTEX DS ® . Escalone todas as juntas sobrepostas verticais 300 mm, no mínimo. Para condições hidrostáticas, o VOLTEX DS ® na parede vertical deve cobrir toda a sapata e sobrepor-se à impermeabilização sob a laje 150 mm, pelo menos. Cubra todas as emendas sobrepostas da membrana de VOLTEX DS ® com a fita CETCO Seamtape. Corte o VOLTEX DS ® para se ajustar bem em torno das penetrações. Após instalar o VOLTEX DS ® , com uma espátula, aplique um filete de, no mínimo, 19 mm de espessura de BENTOSEAL ® em torno das penetrações, para preencher completamente qualquer espaço entre a penetração e a borda do VOLTEX DS ® . Estenda o BENTOSEAL ® na penetração e sobre a borda do VOLTEX DS ® 38 mm. Nas áreas com várias penetrações próximas, pode não ser prático cortar o VOLTEX DS ® para se ajustar em torno de cada penetração. Por isso, aplique um filete de 19 mm de espessura de BENTOSEAL ® em volta da base de cada penetração e cubra toda a área entre as penetrações. Estenda o BENTOSEAL ® 38 mm nas penetrações.

Termine a membrana do VOLTEX DS ® 300 mm abaixo da elevação do solo acabado, com prendedores com cabeça de arruela no máximo a 300 mm, no centro. Instale a folha metálica CETBIT 300 no substrato de concreto preparado com a borda inferior sobreposta à borda superior da membrana de VOLTEX DS ® 100 mm. Sobreponha todas as pontas de rolo no mínimo 100 mm, para formar uma folha metálica contínua. A altura da folha metálica deve corresponder aos detalhes e especificações do projeto. Instale uma barra de terminação rígida ao longo da borda superior do CETBIT 300; presa no máximo a 300 mm, no centro. Conclua os detalhes de terminação do solo dispensando CETSEAL com aplicador ao longo da borda superior, em todas as penetrações na folha metálica e todas as emendas sobrepostas expostas. O reaterro deve ser colocado e compactado a uma densidade mínima de 85% Proctor modificado após a instalação da impermeabilização. O reaterro deve consistir em terra compactável ou agregado angular (19 mm ou menos) sem resíduos, objetos pontiagudos e pedras maiores que 19 mm. OBSERVAÇÃO: O VOLTEX DS ® não é recomendado para paredes em blocos de alvenaria. Entre em contato com a CETCO para informar-se sobre as diretrizes de instalação e produtos para paredes de fundação em blocos de alvenaria.

CONSTRUÇÃO DE DELIMITAÇÃO DE PROPRIEDADE MOLDADA IN-LOCO
Use o VOLTEX DS ® para impermeabilizar diversos tipos de construção de delimitação de propriedade moldada in-loco, incluindo: estacas-prancha secantes/contíguas, estacas-prancha metálicas, contenção com perfis metálicos e pranchões e paredes de escoramento de terra estabilizada. As seguintes diretrizes descrevem a instalação do VOLTEX DS ® em paredes de estacas-prancha secantes/contíguas. Para outras aplicações em parede de escoramento para delimitação de propriedade, consulte o “Manual do produto VOLTEX DS ® moldado in-loco” ou consulte a CETCO. Para aplicações em concreto projetado, consulte o “Manual de aplicação do VOLTEX DS ® em concreto projetado” para obter instruções de instalação.

Preparação da parede de estacas-prancha secantes/contíguas: Os substratos não devem apresentar grandes vãos ou saliências. Vãos, cavidades e rachaduras maiores que 20 mm devem ser preenchidos com rejunte cimentício ou BENTOSEAL ® . Saliências maiores de 20 mm devem ser removidas ou niveladas. Geralmente, superfícies com ondulações graduais são aceitáveis, mas mudanças repentinas de nível, como depressões e cavidades, não são. Em estacas-prancha contíguas, certifique-se de que as colunas no solo entre as estacas-prancha estejam cortadas a um diâmetro de, no mínimo, um terço da estaca-prancha, para criar uma clivagem de fixação e reduzir a possibilidade de o solo se deslocar atrás do VOLTEX DS ® . Quando necessário, molde concreto magro ou aplique concreto projetado nas paredes de estacas-prancha contíguas, para fornecer um substrato apropriado, principalmente onde houver grandes vãos entre as estacas-prancha devido à perda de solo instável. Transição de parede de escoramento: Na base da parede de escoramento, instale uma folha de VOLTEX DS ® na horizontal (geotêxtil tecido cinza-escuro voltado para o instalador) com a borda inferior estendida sobre o substrato horizontal no mínimo 300 mm e a borda superior da folha estendida pelo menos 300 mm acima da elevação da laje acabada. Prenda a folha de VOLTEX DS ® na parede de escoramento com prendedores com cabeça de arruela no máximo a 600 mm, no centro. Sobreponha as bordas das folhas de VOLTEX DS ® pelo menos 100 mm. Se a espessura da laje for maior que 600 mm, instale uma segunda folha ou uma tira de VOLTEX DS ® na parede de escoramento para cumprir o requisito de estar 300 mm acima da elevação da laje superior. Sobreponha a borda superior da folha anterior e as bordas das folhas adjacentes um mínimo de 100 mm.

Instalação em parede de estacas-prancha metálicas secantes/contíguas: Siga as instruções em “Transição de parede de escoramento” para a instalação da faixa de transição de VOLTEX DS ® na base da parede de estacas-prancha metálicas secantes/contíguas, com a aba de base de 300 mm cortada e alargada conforme necessário, para que o material fique plano e garanta uma continuidade com a instalação sob a laje. Use prendedores com cabeça de arruela para prender o VOLTEX DS ® , seguindo as diretrizes de aplicação gerais para dobrar todas as bordas adjacentes 100 mm, escalonar as pontas de rolo adjacentes a, pelo menos, 300 mm (evitando dobras de quatro voltas), garantindo que as dobras estejam voltadas para baixo, conforme aplicável, e o VOLTEX DS ® esteja contornando com firmeza a superfície de aplicação. Para estacas-prancha secantes/contíguas, posicione os prendedores próximo às clivagens. Para estacas-prancha metálicas, posicione os prendedores próximo aos encaixes e ao longo dos cantos internos/externos das estacas-prancha metálicas. Penetrações: Instale um anel cortado de VOLTEX DS ® bem preso em torno da penetração, estendendo-o a um raio mínimo de 300 mm. Aplique BENTOSEAL ® sobre o anel de VOLTEX DS ® em torno da penetração, estendendo o BENTOSEAL ® a um raio mínimo de 75 mm, com 6 mm de espessura. Em seguida, instale a faixa principal de membrana de VOLTEX DS ® com firmeza em torno da penetração. Por fim, faça o detalhamento em volta da penetração com 19 mm de espessura e um raio mínimo de 300 mm de BENTOSEAL ® . Com tubos com manga, preencha o espaço entre o tubo e a manga com rejunte cimentício sem retração e instale WATERSTOP-RX ® nos dois lados damanga. Terminação no solo: Termine a membrana do VOLTEX DS ® 300 mm abaixo da elevação do solo acabado com prendedores com cabeça de arruela no máximo a 300 mm, no centro. Instale uma folha metálica de CETBIT 300 no substrato de concreto pre-parado, com a borda inferior sobrepondo-se à borda superior da membrana de VOLTEX DS ® pelo menos 100 mm. Sobreponha todas as pontas de rolo no mínimo 100 mm para formar uma folha metálica contínua. A altura da folha metálica deve corresponder aos detalhes e especificações do projeto. Instale uma barra de terminação rígida ao longo da borda superior do CETBIT 300; presa no máximo a 300 mm, no centro. Complete o detalhamento da terminação no solo dispensando CETSEAL com aplicador ao longo da borda superior, em todas as penetrações na folha metálica e em todas as emendas sobrepostas expostas. Prenda todas as emendas sobrepostas de VOLTEX DS ® escavadas com prendedores com cabeça de arruela no máximo a 600 mm, no centro, e depois instale a Seamtape centralizado ao longo das emendas sobrepostas. O reaterro deve ser colocado e compactado a uma densidade mínima de 85% Proctor modificado após a instalação da impermeabilização. O reaterro deve consistir em terra compactável ou agregado angular (19 mm ou menos) sem resíduos, objetos pontiagudos e pedras maiores do que 19 mm.

LIMITAÇÕES
O VOLTEX DS ® deve ser instalado somente quando a preparação correta do substrato estiver concluída e pronta para receber o sistema de impermeabilização. O concreto deve ser moldado in-loco com fôrmas convencionais que produzam uma superfícielisa. O VOLTEX DS ® foi desenvolvido para aplicações de impermeabilização abaixo do solo, nas quais o produto fica adequadamente confinado. O VOLTEX DS ® não deve ser instalado em água parada ou sobre gelo. Se a água do solo contiver ácidos fortes, álcalis ou apresentar condutividade de 2.500 umhos/cm ou mais, amostras da água deverão ser enviadas para o fabricante para a realização de testes de compatibilidade. O ULTRASEAL XP pode ser necessário, caso haja água contaminada ou salgada no solo.

O VOLTEX DS ® foi desenvolvido para uso sob lajes de concreto reforçado de 100 mm de espessura ou mais, em um substrato de terra/cascalho compactado. O VOLTEX DS ® requer uma laje de concreto reforçado de, no mínimo, 150 mm de espessura, se instalado sobre concreto magro. O VOLTEX DS ® não foi desenvolvido para construção de deques de passeio com laje dividida.

O VOLTEX DS ® não é destinado à vedação de juntas de dilatação. Para aplicações em juntas de dilatação, entre em contato com a CETCO. Não use o VOLTEX DS ® em paredes de fundação de blocos de alvenaria. Consulte a CETCO para obter diretrizes de instalação especiais que se aplicam à construção de concreto projetado ou pré-moldado.

As instruções de instalação do VOLTEX DS ® aqui descritas são destinadas a aplicações de concreto moldado in-loco e não abordam aplicações de concreto projetado ou concreto pré-moldado. Consulte os manuais de produtos VOLTEX DS ® para conhecer técnicas adicionais de aplicação em construção de parede de escoramento para delimitação de propriedades. Consulte a CETCO sobre produtos e diretrizes de instalação para as aplicações não abordadas aqui.

TAMANHO E EMBALAGEM
O VOLTEX DS ® está disponível em rolos de 1,1 m x 5 m. O peso do rolo típico é de aproximadamente 37 kg. O VOLTEX DS ® é embalado com 35 rolos por palete (176 m2). O VOLTEX DS ® também está disponível em rolos de tamanho padrão de 2,5 m x 20 m e 5 m x 40 m.

PRODUTOS ACESSÓRIOS
Instale o VOLTEX DS ® usando os produtos acessórios estritamente de acordo com as instruções do fabricante. Os produtos acessórios principais incluem BENTOSEAL ® , VOLCLAY GRANULES ® , CETSEAL, Seamtape e folha metálica CETBIT 300.

PRODUTOS DE SISTEMA RELACIONADOS
Composto de drenagem subsuperfície AQUADRAIN ® e impermeabilizante de dilatação para junta de concreto WATERSTOP-RX ® .

AVISO IMPORTANTE: ENTRE EM CONTATO COM A CETCO PARA VERIFICAR OS REQUISITOS DE ESPECIFICAÇÃO E INSTALAÇÃO, A FIM DE ESTAR EM CONFORMIDADE COM A EMISSÃO PARA ELEGIBILIDADE DE GARANTIA HYDROSHIELD.

Casa D' Água

About Casa D' Água

  •