Restauração de Casarão Histórico com mais de 140 anos

Espetacular restauração de Casarão Histórico com mais de 140 anos de idade na praça central da Cidade de São Carlos (SP) para abrigar Centro Cultural

Local

São Carlos

Especificação e Supervisão Técnica

Casa D’Água

Execução

Construtora Stockler das Neves Neto (São Paulo/SP) e Escritório de Arquitetura Ricardo Julião (São Paulo/SP)

Características Gerais

Restauração de Prédio de um Casarão Histórico com mais de 140 anos de idade na praça central da Cidade de São Carlos – SP, que pertence hoje ao Instituto Arruda Botelho.
A restauração teve o objetivo de atualizar as instalações do prédio para funcionamento de um centro cultural.
O prédio localizado em área central de São Carlos estava desocupado há alguns anos, e por iniciativa do Instituto Arruda Botelho, foi restaurado para funcionar como centro cultural, sendo denominado “CENTRO CULTURAL I.A.B.”, recuperando assim sua importância histórica para a cidade de São Carlos.
A obra de restauro necessitava manter o revestimento original das alvenarias em tijolos de barro, assentados revestidos com argamassa de argila com mais de 140 anos.
O desafio foi o de fazer com que o revestimento das alvenarias de fachada que se encontravam fissurados, desgastados e soltos em mais de 80% da área fossem preservados, e as argamassas de reconstituição internas das alvenarias tivessem aderência sobre os tijolos envelhecidos e fragilizados pelo tempo.
Também houve preocupação em não permitir que umidades de chuva e do solo atingissem a edificação após a execução dos trabalhos.

Área executada

1.600 m² de áreas internas e 2.600 m² de áreas externas

Procedimentos

• Toda fundação foi escavada e, após limpa, as alvenarias de embasamento receberam injeção cristalizante e bloqueadora de umidade ascendente com Key Sei.
• Após a realização das injeções, as alvenarias de fundação foram impermeabilizadas com argamassa polimérica Masterseal 515 Top, depois chapiscadas com cimento e areia aditivadas com Rheomix 104 e revestidas com argamassa de cimento, areia com impermeabilizante para argamassa Rheomix 304 e Fiberlock como estruturante e anti fissuras de retração.
• As alvenarias internas foram tratadas com Imperwall para selamento anti-umidade e endurecimento dos tijolos que estavam fragilizados e soltando pó, não permitindo aderência da argamassas de revestimentos.
• Depois da aplicação do Imperwall, foi executado chapisco com Rheomix 104, e revestimento das alvenarias com argamassa de cimento, areia, Rheomix 304 e Fiberlock.
• As argamassas de revestimento de alvenarias foram produzidas com aditivo plastificante redutor de cal e água, Sikanol Alvenaria.
• Para as alvenarias de fachada que estavam fissuradas e soltas e que necessitavam ser preservadas, foi adotado injeção de epóxi com MC Dur 1264 TR NL.
• Como selante das argamassas de revestimento, foi aplicada pintura de Masterseal F 1380 e sobre a pintura final Masterseal 302 com hidrorrepelente.
• Construção de cisternas de água para abastecimento e reserva de incêndio, impermeabilizadas com argamassa Masterseal 515 Top.
• Impermeabilização de lajes com Manta Asfáltica Torodim 4 mm

1. Abertura das fundações para impermeabilização

2. Abertura das fundações para impermeabilização

3. Aplicação de Masterseal 515 Top
.

4. Aplicação de Imperwall sobre alvenaria de tijolos (para endurecimento)

5. Vista da fachada durante os serviços de injeção de epóxi com MC DUR 1264 TR NL

6. Vista da fachada durante os serviços de injeção de epóxi com MC DUR 1264 TR NL

7. Revestimento interno com nova argamassa aplicada sobre chapisco com Rheomix 104, após tratamento do substrato com Imperwall

8. Aplicação de selamento flexível e impermeável com Masterseal F 1380

.

9. Vista geral da obra

10. Vista geral da obra